Sobre o Orixá Ossanha - Charles Corrêa D'Oxum

Sobre o Orixá Ossanha




Divindade das folhas medicinais e liturgicas. Detentor do axé (força, poder, vitalidade).

Seu símbolo é uma vara de ferro com sete pontas dirigidas para cima, com a imagem de uma pomba na ponta central também chamado de Opassanìyn.

Também chamado de Ossãe, Ossaim ou Ossanhe.

Patrono dos aleijados, pois tem uma só perna, é representado portando uma muleta, objeto que lhe é consagrado.

Quando este Orixá vem ao mundo, usando da possessão de filho, fica dançando algumas rezas (principalmente as suas mesmas) numa perna só, sem colocar o pé no chão, isso mostram o poder do orixá e a confirmação da possessão, pois ninguém conseguiria dançar tempo apoiado numa só perna.

Ossanha representa a sabedoria ancestral do homem, que permite o domínio da natureza.

Em quase todos os feitiços e axés feitos para a saúde que se envoca Ossanha, que além de ser o orixá da cura também é de índole bondosa e jamais deixaria de atender um pedido.

Sua importância é tão fundamental, que nenhuma cerimônia pode ser feita sem a sua presença.

Sua principal ligação é com as folhas e todos os tipos de vegetais.

Ele conserva o segredo da cura através das plantas, seja de forma mágica ou medicinal.

É o protetor das plantas,  e tem um mistério em torno de si; é reservado e transmite somente para seus iniciados toda a magia de sua medicina.

Considerado a Divindade da medicina dentro do Batuque cultuado no RS é o médico da natureza, o pai da homeopatia e exige respeito em seus domínios.

O forte sumo verde escuro extraído das ervas, é considerado o sangue das folhas.

Ele vive na floresta, sozinho; é ligado aos pássaros e à preservação da natureza.


Detalhes do Orixá:


Dia da semana - Sexta-feira (Para alguns é na segunda ou quinta).


Cores - Verde e Branco (alguns usam Verde e Amarelo)


Símbolo - Opassanìyn, tartaruga, coqueiro.


Comida - Miame gordo, figos, linguiça frita.


Sincretismo Religioso:


São Cristóvão

Os Arquétipos(filhos):


Os filhos de Ossanha são ingênuos, orgulhosos, pacíficos, bem humorados, alegres e defendem a ecologia.

Os filhos de ossanha são, de um modo geral, pessoas equilibradas, apresentam um temperamento pacífico e controladas tanto em suas emoções como em seus sentimentos.

Não gostam de pedir ajuda aos outros e nunca se envolve com más companhias.

Agem de maneira racional, possuem grande capacidade e eficiência, não deixando que a amizade, a inimizade ou opiniões próprias suas interfiram em suas decisões para com os outros, e sim do que de fato é direito de ser.

Ele é interessado pela limpeza e pela ordem, armazena dados e analisa as situações. Embora seja inclinado a se preocupar com a sobrevivência dos animais, a flora e a natureza em si, fará tudo o que puder para conscientizar as pessoas sobre a vida na terra.

É um verdadeiro preservador da vida e seu lema é:"harmonizar e trazer paz para o mundo".

São práticos e objetivos em seus intuitos.

Adora se envolver em pesquisas, é bastante crítico e detalhista.

Um pouco retraídos, amáveis, de sentimentos delicados e justos.

Dotado de sorte e positivismo e jovialidade, encoraja as pessoas a se interessarem por seus ideais.

Apresenta forte tendência a desprender-se da família desde cedo.

A independência do pensamento do filho de Ossanha está ligada a uma atitude reservada e fria, baseada numa lógica toda pessoal.






Charles Corrêa D' Oxum

Axé a todos e que os orixás abençoe a vida de cada um hoje e sempre.
Lembre-se:
A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios. Por isso, cante, chore, dance, ria e viva intensamente, antes que a cortina se feche e a peça termine sem aplausos.


Clique aqui e curta nossa página no Facebook

Antes de sair gostaria de curtir a fanpage do blog?